11/02/2015

Capitulo 13 - Escolha Perfeita

Eu estava deitada olhando para o teto, sem o que fazer... a carta de Zayn estava em minhas mãos, e as lagrimas finalmente tinha cessado, eu não suportava o fato dele ir embora! Ele não podia ter feito isso comigo. Mas eu tinha Justin, Ryan, Melly, Ceci  eu acho que não estou sozinha nessa. Mas eu não vou deixar o Zayn Partir por muito tempo, eu vou bater na porta dele qualquer dia desse.
Ouvi baterem na porta.
- Pode entrar – falei e me sentando na cama 
- Quer conversar? – aquele loiro, com seus olhos verdadeiramente castanho dourados estava ali na minha frente com aquele típico maxilar travado o que o faz ainda mais sexy
- Se quiser... senta ae – me arredei e ele veio e se deitou em minha cama
- Por que ele foi embora? – Justin perguntou
- Toma a carta... Leia – o entreguei e ele abriu lendo
[...]
- E então? O que acha? – perguntei assim que ele terminou de ler
- Ele me chamou de Idiota Bieber – eu não contive acabei rindo, de TUDO que o Zayn falou ele presta atenção nisso
- Qual é?!  O que voce acha sobre isso ?
- Acho que eu faria o mesmo se estivesse no lugar dele, ficar aqui sem ninguém com a garota que gosta com outro mais bonito e gostoso... não seria fácil – Justin é muito convencido
- Não sei, vou sentir falta dele- abaixei o olhar
- Ele falou na carta que voce é apaixonada por mim, e tem que falar comigo uma coisa – ele tinha um sorriso sapeca nos lábios
- Para de bobeira Justin é serio eu estou chateada – falei dando –o um leve empurrão
- O que voce quer que eu faça para te ajudar? – ele se sentou e colocou uma mexa de meus cabelos atras da orelha
- Come essa cesta aqui de bobeiras comigo – falei rindo e ele me acompanhou então o dei um beijo, passei minhas pernas a cada lado de sua cintura e ele prensava em seu corpo.
Que calor não acham?
- Sabe... na hora que eu li a carta, eu pensei na mesma a hora que voce  iria falar que não gosta realmente de mim, e depois que voce leu essa carta percebeu que é louca por ele também – Justin falou e eu o olhei intensamente e depois sorri
- Ninguem nunca me conquistou igual voce Justin, lembre-se bem disso – dei um selinho nele e sai de seu colo
Justin me fazia esquecer as coisas de ruim que se passava em minha vida, ele me fez sorrir e esquecer o Zayn por um tempo... ele e eu comemos toda a cesta, e agora estamos deitados e ele com dor de barriga ... e eu? Adivinha?
RINDO.
- Justin para de gemer – disse montando em sua barriga
- Minha barriga vai explodir sua gorda sai de cima de mim – ele gritou de dor e eu dei um leve pulinho
- EU – NÃO – SOU- GORDA – falei pausadamente e coloquei todo meu peso em seu corpo e ele gritou
- Ok – estava sem fôlego para falar – Voce,  voce é magrinha, voce é Ó – ele fez sinal de joinha com a  Mao e eu sai de seu colo rindo
- Voce é Ó... UMA BOSTA – ele falou e saiu correndo
Não acredito, que filho da puta
- Justin não fala assim – falei me sentando na cama de cara fechada
- Gordinha – ele zombou mais uma vez e eu já estava perdendo a paciência.
a pior coisa quando alguém te chama de gorda.
- Para com isso to falando serio -  o empurrei para longe de mim quando ele tentou me beijar
- Gordinha linda, minha gordinha, minha baleiazinha – ele pegou minha cintura fazendo uma voz estranha fina... e eu fiquei mais brava ainda
- Sou a baleia que voce nunca vai ter, a garota que voce nunca vai ter pra voce , sua opiniao não muda muita coisa, eu não gosto de voce mesmo – menti mas entrei na brincadeira, mas queria que ele levasse a serio para ele  ver que brincadeira tem limites
- Eu te conquistei
- me chamou atenção, mas não do meu coração – falei tentando parecer o mais serio possível
- Para, para de falar isso – ele falou serio se levantando
- Eu prefiro ser sincera do que te iludir
- Para, por favor, para de falar essas coisas, voce sabe que é mentira – ele começou a explodir e alterar a voz
- Que bom que sabe – falei o confundindo
- Como? – falou desentendido
- é mentira ué – ele me olhou incrédulo  e eu comecei a rir
- não teve graça – falou
- Nem voce me chamando de baleia e gorda – rebati
-Mas eu não mentir – ele deu uma piscadela
E eu o olhei incrédulo e sai do quarto caminhando com raiva e ouvi passos dele atrás de mim e me chamando
- não sai – falei emburrada
- Eu estava brincando babe – ele falou puxando meu braço e fazendo eu o encarar
- não estava, mas mesmo assim eu estou gorda mesmo, voce só me deu um aviso então ...  – estava decidida a emagrecer
- Voce não esta gorda becky para com isso? – pegou meu queixo e me deu um selinho
- Voce que começou – resmunguei
- Estava brincando, apenas uma brincadeira Tudo bem? Voce é linda – me beijou outra vez e a coordenadora chegou
- Namoro dentro da escola? Eu já disse a vocês, É PROIBIDO, me acompanhem até a diretoria – eu e Justin nos entreolhamos  e bufamos com raiva e começamos a seguir
Depois de alguns minutos chegamos
- Podem entrar – Ela abriu a porta
- Sim? – ouvi a voz da Magali
- Esses mocinhos estavam se beijando no corredor – ela falou se sentindo a Poderosa do momento
Voce não passou de uma X9 do caralho ô vaca velha
- Verdade senhorita Ross? – Magali perguntou
- Sim – respondi normal e ela arqueou a sobrancelha
- Pode sair Coordenadora, eu vou falar com eles a sós – Magali ordenou e assim a X9 fez.
Assim que ela saiu ela indicou para sentarmos e assim fizemos
- Eu sei que voce tem uma preferência aqui na escola, em relação ao que seus pais querem que acontecem mas se vocês ficarem se beijando nos corredores, os outros alunos vão querer fazer isso também, e essa escola tem que ter ordem. Eu não vou castiga-los que prometi par aos pais de vocês que iria cuidar de tudo e que vocês se dariam bem, mas... Voces ainda são alunos e quero postura Tudo bem? – Assentimos
- Voce vai contar para eles isso? – perguntei
- Olha Senhorita Ross, eu sei que vocês estão envolvidos a alguns dias, eu vejo tudo nessa escola se é que me entende, mesmo achando que não sei de nada eu sei de tudo, e se vocês estão assim , é melhor, por que é assim que os pais de vocês querem.
- Entao fala pra ele que estamos juntos e agente sai daqui – falei
- Não é bem assim, eles querem vocês formados e não só juntos e sim jovens com cabeça o suficientes para enfrentar o que vem depois daqui, eles querem filhos dedicados e lhes trouxeram aqui para prepararmos vocês para isso,Não ache que é por causa da imagem da empresa de vocês, eles fizeram isso por vocês -  eu suspirei e Justin se levantou
- Podemos ir? – perguntou
- Podem sim, mas pensem no que eu falei – ela lembrou e saímos da sala
- Seus merdas comeram uma cesta inteira e nem me chamaram – chegou Ryan falando
- cara compra uma pra voce e pra melly e comem falou? – Justin falou e Ryan o olhou meio cerrado
- Vai deixar ele falar comigo assim mana? – levantei os braços como se tivesse me rendendo
- Não me coloque no meio disso!- falei
- Voces dois tão de rolo e ficam excluindo agente, aham, deixa quando precisarem, lembrem-se que estão junto por minha causa – ele foi saindo e eu corri até ele e abraçando por trás
- Oh meu irmãozinho mais lindo desculpa voce quer que eu compre uma cesta pra gente comer? – falei mordendo rosto dele e Justin ficou sem graça... ciúmes?
- Eu quero – Ryan falou sorrindo
- hey, para com essa garraçao- Justin me puxou pra ele
- Ciumes amor?  - me virei pra ele
- Amor? – ele arqueou a sobrancelhas
- Aff vai começar essa melosidade ai fui – rayn saiu
- Sim – falei com vergonha
- Repete – ele falou me pegando pela cintura 
- Amor, meu amor, e voce Pode parar de ficar com ciúmes do Ryan – falei dando um beijo nele
- Entao sou seu amor? – ficou todo bobo
- Sim, meu – falei mordendo seu lábio inferior
- Só seu, todinho seu – ele mordeu o modulo do minha orelha  eu me arrepiei
- Vamos La pro quarto ? Não podemos ficar no corredor – o Lembrei  e ele sorriu – larga de ser safado – dei um tapa em seu braço e ele devolveu outro porem na minha  bunda
Caminhamos de mãos dadas até ... pera o Jardim?
- Por que estamos aqui mesmo? Pensei que iriamos para ao dormitório – falei
- Ah La na nosso espaço é bem melhor – ele falou abrindo a porta e entrando naquele nosso cômodo
- Justin eu tenho que tomar banho, minhas coisas estão no quarto – o lembrei
- Na verdade tem coisa sua aqui já, acho que a Melly deixou aqui – eu o olhei
- Mandou ela trazer né?
- Talvez – riu e veio em minha direção, e meu começou a agir rapidamente, me pegou pela cintura e me empurrou na parede fazendo minhas costas se chocar na mesma.
- estava com saudades desses seus beijos violentos – ele sussurrou em meu ouvido e foi rapidamente para minha boca.
O beijo de calmo foi para rápido, de doce para violento, estávamos precisando disso, era necessário ter nossas línguas entrelaçadas sentindo seus gostos,ele subiu um pouco minha blusa  e minha barriga de fora,etano ele passava suas mãos em minha costas e dava umas apertadas que me faziam gemer bem baixinho, durante o beijo ele mordeu meu lábio inferior me fazendo arfar e eu fiz o mesmo com ele.
- voce gosta de me provocar né Bieber? – sussurrei em seu ouvido e ele fechou os olhos
- não faz isso – falou quase sem voz
- Fazer o que? – sussurrei rouca novamente em seu ouvido
- Sussurrar com essa voz sexy, me deixa louco – ele não conseguia controlar isso me fez dar um sorriso e  voar em seus lábios novamente. Justin puxou uma de minhas penas me erguendo em seu colo,com uma perna de cada lado de sua cintura, e ele foi caminhando até a cama.
Eu sei que não estava preparada para isso, mas eu não aguento mais segurar, eu quero ele pra mim, todo pra mim, quero ele comigo, a gente se transformando em um só, eu precisava senti-lo.
Ele tirou minha blusa a jogando em algum canto do local, ele começou a beijar meu pescoço e eu fui delirando de tesão, eu estava perdida, perdidamente entregue.
Seus beijos ardiam, e foram descendo até meu ombro aonde ele deu uma leve mordida,e tirou a alça do meu sutiã com os dentes, e beijou todo meu braço. Ele fazia tudo com delicadeza, carinho e cuidado.  Beijou toda minha barriga me fazendo contorcer naquela imensa cama.Ele estava procurando os feixes do meu sutiã e logo os achou e assim o tirando, eu estava com muita vergonha, ninguém, nenhum homem havia me visto assim.
Justin me lançou um olhar de conforto e prosseguiu, ele começou com leves beijou no meu seio esquerdo, e massageando o direito com sua Mao, eu gemi e ele deu uma mordicada me fazendo arfar rouco. Depois fez a mesma coisa com o outro seio e foi descendo até minha barrida, dando lambidas e chupadas... que provavelmente ficariam marcas.
Ele segurava minhas mãos ao alto  me deixando mais louca ainda. Mas logo subiu em minha boca a beijando, tirei sua camisa rapidamente, e ele desceu sua Mao até o botão dos meu shorts e foi os descendo de vagar e logo os tirou por inteiro, mudei de posição ficando por cima dele, e sentei em cima de sua cintura e beijei seu pescoço e todo seu peitoral.
Como ele era lindo, gostoso... perfeito.
Ele apertava me coxa cada vez mais e podia sentir sua ereção quase explodir dentro da calça. Ele pegou me fazendo deitar novamente então ele desceu até minha perna e deu um beijo por cima da minha calcinha e ai sim foi gemido!
Minhas mãos apertaram seus cabelos intensamente e de pouco a pouco ele foi tirando minha calcinha
Ai que vergonha.
Ele a olhou com luxuria e desejo, seus olhos brilharam e um sorriso brotou em seus lábios, então ele a beijou, ele comecou a fazer movimentos em minha intimidade com sua língua que me matava de prazer,Sua língua brincava com meus clitorios e ele fazia tudo perfeito. Ele penetrou um dedo, e fez leves movimentos e me fez contrair e soltar gritinhos finos, logo em seguida dois dedos me invadiram e fizeram movimentos rápidos até que sentir meu corpo relaxar eu tinha gozado.
Com minha ajuda tirei sua calça e ele abriu minhas pernas com cuidado. Com um relance do meu olhar, olhei para a fartura que ele chama de penis.
Que coisa grande..
Ele posicionou seu pau no meio da abertura da minha intimidade e direcionou sua boca em meu ouvido
- Voce confia em mim? –falou com sua voz rouca
- Com toda minha vida – respondi
- Entao em da sua Mao – ele entrelaçou nossas mãos e entrou com a cabeçinha do seu amiguinho dentro de mim senti uma dor corroer meu corpo, como se tivesse me rasgando por dentro,mas era uma dor boa, era gostoso sentir. mas ele viu que doeu então ele pausou seu pau dentro de mim para mim acostumar .
- Que mesmo continuar? – perguntou
- Claro que sim, vai Justin pelo amor de Deus – falei não aguentando mais então ele começou com movimentos mais rápidos, entrando assim totalmente seu pau dentro de mim.
Movimentos de vai e vem começaram a me fazer gritar pelo seu nome
- JUSTIN, AWN – eu estava feito cadela no cio...
Era realmente muito prazer
- Geme meu nome babe, geme – ele falou mordendo meu ombro e aumentando cada vez mais suas entocadas.
- Justin, Oh JUSTIN – gemi enquanto uma Mao minha estava enterrada em seu cabelo e a outra arranhando sua costas.
Justin passava sua Mao por todo meu corpo, conhecendo cada pedaço dele, e eu me perdia em cada toque que ele dava, era como se fosse uma honra te-lo ali.
Ao longo dos gemidos e de muito prazer chegamos ao nosso ápice, nosso corpos se relaxaram e Justin se deitou em meu lado.
Nossas respiração ofegantes, e sua Mao pousada em minha coxa... eu quebrei o silencio
- Justin – o chamei e ele me olhou
Eu amo voce 
Continuaaa? 
..........................................................................................................
 6 COMENTARIOOOOS???
Amorecos meu computador voltouuuuuu!!!!!!!!!!!!
IUPIIIIIIIII! O que estao achando??? COMENTEMM! Quero comentarios das leitoras mais linda desse Brasil!!!!!!
Se quiserem falar comigo venham a minha askkkk!


MINHA ASK <<<<<<<
Beijooooooocas amo voces!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

8 comentários

  1. omg perfeita anwt eles são fofos amando flor continua por favor!!

    ResponderExcluir
  2. *_* oww que perfeito continua linda
    Beijokas

    ResponderExcluir
  3. Leitora nova *-* to amando ta tudo lindo, continua logo, pf.

    ResponderExcluir
  4. Oin leitira nova 😍♥♥ to amando..pode divulgar meu blog? Eu agradeço ♥
    http://imaginebelieberhot-loucaspelobieber.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  5. AAAAAAAAAAAHHHHH A PRIMEIRA VEZ DELEESSSSSS ❤❤❤❤❤ QUE PFTOOOO E ELA FALO QUE AMA ELEEEEE ❤ANNNW MDS QUE PERFEIÇÃO ASSIM EU NAO AGUENTOOO, CONTINUUA PELO AMOR D'DEUS TAH PFTO❤❤

    ResponderExcluir
  6. Eeeeita geovanna

    ResponderExcluir
  7. Continua meu amooooooooooor *-*
    Da uma passadinha na minha IB? ><
    http://mybiebermylife.blogspot.com.br/
    CONTINUAAA!

    ResponderExcluir